quinta-feira, 4 de maio de 2017

K

Livro das Horas


Resultado de imagem para time passing by
Amiga:

A vida é um sussurro
que percorre as folhas do calendário
deixando-me atónito.
Cada ocaso é um só,
e as colinas escorregando pelas águas
tornam-se marcos onde o tempo,
forçosamente,
se imobiliza.

Sei que para ti, caríssima,
o tempo é um escolho,
deve ser esquecido 
enterrado, até.
Mas ele vulgariza-te
nas sombras que antecedem as rugas.

Sabes? 
Foi ontem que nos conhecemos,
que brincámos com as palavras
em jardins
escorados por esplanadas e risos.
Hoje, a galhofa é outra:
o tempo saltou para as nossas cavalitas
tapando-nos os olhos e a boca,
alimentando-se de nós.

Hoje, somos espelhos de todos os prazos;
somos resquícios de uma alegria
tão efémera como as folhas do calendário.
Somos pasto do tempo;
quebra, pois, os relógios
e o sortilégio das horas!

Um beijo grande.
Jaime
Resultado de imagem para time passing by

(fontes das imagens:
1ª - https://br.depositphotos.com/36283215/stock-photo-calendar-pages-flying-away-time.html
2ª - http://www.oh-i-see.com/blog/2014/01/09/reflections-on-time-passing/)

Etiquetas: ,

domingo, 9 de abril de 2017

K

a negro

The dying swan by eReSaW
Timbrei o meu escrito:
os verbos,
os sujeitos
(tantos esses),
os complementos
(que, na sua limpidez,
na precisão do seu eixo
nada apontavam).

As palavras - tantas vezes - 
cansam,
enredam-se na boca,
na ponta dos dedos;
nem mostram a humildade
de um poente
caindo sobre si,
cisne morrendo-se.

Entretanto,
tenho de escrever,
escrever muito,
escrever de cor,
escrever até 
a dor derrotar os sentidos.

Que ofício este!
Ser e não ter,
ter e não ser...

(...)

e as palavras sem dono,
sem mestre,
vogando,
vogando sempre.

(fonte da imagem:
http://eresaw.deviantart.com/art/The-dying-swan-272293091)

Etiquetas: ,

quinta-feira, 9 de março de 2017

K

faz tempo

Resultado de imagem para valhalla
Faz tempo que te não vejo.
O anoitecer, a sua luz,
traz-me desenhos pueris,
manchas vivazes,
de ti.

Pediste-me que te esperasse,
que atentasse no Sol,
na Lua,
e os teus sinais viriam

Acocoro-me 
sobre um montinho de areia,
e miro o mar e
os montes que nele mergulham.

Só imagens fugazes
transportadas pelo tempo,
reversas na sua descontinuidade.

Paira uma manta de esquecimento,
um lençol de valquírias chorosas;
já não há reino etéreo
onde guardar a tua memória.

Assim me sustento,
nas cores de uma paleta,
nas tintas que se extinguem 
apontando para longe no tempo.

(fonte da imagem:
http://www.heathenhof.com/what-is-valhalla-and-who-goes-there/)

Etiquetas: ,

domingo, 5 de março de 2017

K

ânsia

A tranquilidade será impossível de atingir.

Todos sabemos o que nos espera.

(fonte da imagem:
arquivo do blogue)

Etiquetas: , ,

quarta-feira, 22 de fevereiro de 2017

K

tu Antuérpia









Esqueci o p/b
do que sinto
na luz afável,
do entardecer
na minha
desconhecida
Antuérpia.
O brilho das
águas-régias
desfaz,
suavemente,
toda a paisagem,
mesmo sendo
Primavera.
Adormeço
a p/b e
não o lamento:
nada há
de mais belo
do que o cintilar
líquido, roçando
os sonhos suaves
nesta tua
Antuérpia natal.


(fonte da imagem:
https://praguecore.wordpress.com/2012/10/28/fall-break-part-2-canals-trains-and-more-fries-in-bruges-and-antwerp/)

Etiquetas: , ,

domingo, 22 de janeiro de 2017

K

estreito

Estreito,
estreito o caminho;
desliga o rádio 
e a noite embranquece,
lívida,
nem restos de estática 
a acompanham.
O caminho 
nada reflecte,
nem um grão de luz,
nem um pozinho de som,
nada.
Agora, ela mostra
as mãos finas,
pálidas de sono,
e pressente
um escape
que afinal
não há!

(foto do autor
obtida com telemóvel)

Etiquetas: ,

"[...] Apesar de tudo o que se passa à nossa volta, sou optimista até ao fim. Não digo como Kant que o Bem sairá vitorioso no outro mundo. O Bem é uma vitória que se alcança todos os dias. Até pode ser que o Mal seja mais fraco do que imaginamos. À nossa frente está uma prova indelével: se a vitória não estivesse sempre do lado do Bem, como é que hordas de massas humanas teriam enfrentado monstros e insectos, desastres naturais, medo e egoísmo, para crescerem e se multiplicarem? Não teriam sido capazes de formar nações, de se excederem em criatividade e invenção, de conquistar o espaço e de declarar os direitos humanos. A verdade é que o Mal é muito mais barulhento e tumultuoso, e que o homem se lembra mais da dor do que do prazer."

Iniciativa Legislativa de Cidadãos contra o Acordo Ortográfico. Leia, assine e divulgue! Sopro Divino

eXTReMe Tracker
Article of the Day
Article of the Day provided by TheFreeDictionary

This Day in History
This Day in History provided by TheFreeDictionary

Today's Birthday
Today's Birthday provided by TheFreeDictionary

Quote of the Day
Quote of the Day provided by The Free Library

Hangman
Hangman provided by TheFreeDictionary