sábado, 30 de janeiro de 2010

p o v o











Somos um povo

____improvisado sem estrela nem rumo,(1)

somos um povo
________arfando cego, apagado já o instinto

somos um povo
_______num dez de Junho insano, indistinto

somos um povo
_______viciado num azul ultramarino, extinto


"Esta é a ditosa pátria minha amada",
olhos no poente descobrindo(-se),
a Leste o forçoso apelo.
Esqueces de quem és,
o teu senhor,
e só na batalha/estádio
empunhas a tua bandeira

(pálida memória de ti!)

(inspirado num poema de Nilton Barcelli,
publicado no seu blogue)
(imagem retirada de
http://www.portadaestrela.com/)

1 comentário:

maré disse...

a cartografia por marear


e somos

um dardo de memória

______

sob o azul a memória doi mais