quarta-feira, 2 de junho de 2010

K

khyros

Se os meus dedos agarrassem
a sombra,
a névoa
que escorre pelos teus tempos;
se as palmas das minhas mãos
vaiassem
as mágoas,
as feridas
que se escoam já
pelas tuas ruelas;
se os meus punhos nus
esmagassem
a cabeça disforme
dessa tua tristeza;
então seria o teu sorriso
o cais, o refúgio,
o caminho largo
dos meus pulsos libertos!
(fonte da imagem:
http://www.herakleidon-art.gr/,
M. C. Escher: "Traço de união")

Etiquetas: ,

4 Comentários:

Blogger Luana disse...

giro teu blog x)

___
Beijos Luana

quarta-feira, 02 junho, 2010  
Blogger maré disse...

às vezes
quando a noite acolhe a lua
numa manta de retalhos sobre a água,
penso os teus cabelos de sol longo
presos à leitura dos dias que oxidam a plenitude do olhar.

(…)

e penso-te como ave
que as minhas mãos libertaram.

“ Se os meus dedos agarrassem a sombra” esquálida
que um dia, nefastos ventos semearam
ah, que poema épico
guardaríamos para as nossas madrugadas!

Um beijo Jaime
e um sorriso, preso à lua

quinta-feira, 03 junho, 2010  
Blogger Graça Pires disse...

Se por dentro de um sorriso crescer uma fonte, hás-de ser livre como um rio...
Um beijo.

quinta-feira, 03 junho, 2010  
Blogger Luana disse...

Beijocas e bom fim de semanaaaaaaaaaaaaaaaa:-)))

sexta-feira, 04 junho, 2010  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Mi

Criar uma hiperligação

<< Página inicial

"[...] Apesar de tudo o que se passa à nossa volta, sou optimista até ao fim. Não digo como Kant que o Bem sairá vitorioso no outro mundo. O Bem é uma vitória que se alcança todos os dias. Até pode ser que o Mal seja mais fraco do que imaginamos. À nossa frente está uma prova indelével: se a vitória não estivesse sempre do lado do Bem, como é que hordas de massas humanas teriam enfrentado monstros e insectos, desastres naturais, medo e egoísmo, para crescerem e se multiplicarem? Não teriam sido capazes de formar nações, de se excederem em criatividade e invenção, de conquistar o espaço e de declarar os direitos humanos. A verdade é que o Mal é muito mais barulhento e tumultuoso, e que o homem se lembra mais da dor do que do prazer."

Iniciativa Legislativa de Cidadãos contra o Acordo Ortográfico. Leia, assine e divulgue! Sopro Divino

eXTReMe Tracker