domingo, 21 de junho de 2009

21/6









Hoje é Verão.

Chegou de manhãzinha,

pedindo licença,

algo rarefeito.

Trazia um sorriso,

uma mão cheia de oiro,

a outra de vagar.

Pintalgou-nos

de cores esquecidas

em trovão de alma.

(imagem retirada da net)

1 comentário:

Paula Raposo disse...

Gostei! Principalmente da imagem do 'trovão de alma'. Beijinhos.