sábado, 6 de setembro de 2008

shutting silences down


going through the waves,

shutting silences

wherever,

smiling favorite laughs;

a heart,

whence?

A vow,

escaping down my sudden eyes.

And a photo, silently posing

as an effortless

work of baroque art.


(a partir dum poema de moriana)

2 comentários:

moriana disse...

lindo! ainda não tinha reparado neste post...

:)

Jaime A. disse...

O silêncio fecha-se...
a tua presença é sempre bem-vinda, Obrigado.