quinta-feira, 27 de agosto de 2015

Transversal complacência

É quando te olho,
nessa mudez altaneira,
nesse teu meio-sorriso
(assim mesmo,
hifenizado),
que a minha complacência,
de viés,
desliza por ti acima,
num quase-tango
(também hifenizado).

Podes semi-cerrar
(hifenizadamente)
os teus lábios,
podes virar a cara
(e o rabo de cavalo,
sem hífen),
que a minha complacência,
deslizará sempre 
por ti acima;
e mesmo que navegues 
o teu pedantismo,
pelas águas indiferentes,
a minha complacência
sempre te atirará
borda-fora
(nem o hífen
te livrará
do mergulho 
e do espalhafato).

Assim será.

(fonte da imagem:
http://dopepicz.com/69332842-movie-gone-with-the-wind-dresses.html)

1 comentário:

Boop disse...

Soa-me a duelo...
Armas há muitas... É assim mais ao menos como os chapéus...
Boa-sorte (com hífen)
Porque para qq duelo, para além da perícia, precisamos de aproveitar aquela nesga de oportunidade.