sexta-feira, 25 de outubro de 2013

Hoje

Hoje,
proclamo o armistício,
o fim do pesadelo
e das mãos crispadas.
É o tempo das cerejas,
dos louros
e dos ramos de oliva.
É o tempo do sol,
dos risos luminosos
e dos abraços.
É agora
que descemos os penhascos
e molhamos os pés na areia;
sim, molhamo-los na areia,
abraçamos o vento
e cantamos na madrugada.

Hoje,
proclamamos 
o regresso!

(fonte da imagem:
http://balconyofdreams.blogspot.pt/2009/08/top-3-beautiful-fruit-trees-for-edible.html)

Sem comentários: