sábado, 2 de setembro de 2006

K

Se tu...

Se tu quisesses,
o horizonte
era sempre laranja;
um alto monte,
a sua velha granja,
um trigo que envelhece.
Longe, a ponte
desce a mancha
que transparece
entre teus olhos
verdes,
em que mergulho,
num prazer pueril,
entre formas de
desejo...

3 Comentários:

Anonymous Anónimo disse...

Sou a Helena/shoshana.
Tentarei comentar-te assim, talvez siga.
Gostei do teu universo laranja que se vai transmuteando de cor. Desde as cores quentes às mais suaves e pacíficas.
Respira-se, na realidade, uma paz colorida em cada palacra que aqui deixas.
Beijinho

domingo, 03 setembro, 2006  
Anonymous Anónimo disse...

Sou eu de novo
Mas este é um comentário experiência.
Um beijo
Helena

domingo, 03 setembro, 2006  
Blogger pedro_nunes_no_mundo disse...

Nessa do "horizonte laranja", como sabes, alinho bem!

Com a ressalva de que tudo que é demais cheira mal.

(Coitada da veia poética que é assim arrastada pelas ruas da política mais plebeia... Desculpa, parceiro.)

segunda-feira, 04 setembro, 2006  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Mi

Criar uma hiperligação

<< Página inicial

"[...] Apesar de tudo o que se passa à nossa volta, sou optimista até ao fim. Não digo como Kant que o Bem sairá vitorioso no outro mundo. O Bem é uma vitória que se alcança todos os dias. Até pode ser que o Mal seja mais fraco do que imaginamos. À nossa frente está uma prova indelével: se a vitória não estivesse sempre do lado do Bem, como é que hordas de massas humanas teriam enfrentado monstros e insectos, desastres naturais, medo e egoísmo, para crescerem e se multiplicarem? Não teriam sido capazes de formar nações, de se excederem em criatividade e invenção, de conquistar o espaço e de declarar os direitos humanos. A verdade é que o Mal é muito mais barulhento e tumultuoso, e que o homem se lembra mais da dor do que do prazer."

Iniciativa Legislativa de Cidadãos contra o Acordo Ortográfico. Leia, assine e divulgue! Sopro Divino

eXTReMe Tracker